Charme ao ar livre

March 15, 2016

 

Criança combina com espaço, natureza e ar livre. Que tal pensar em comemorar o próximo aniversário do seu filho em um local aberto? Tenho certeza de que ele vai adorar a ideia. A sensação de liberdade é única, e ver os pequenos correndo, com o vento no rosto e as bochechas rosadas, é muito prazeroso. Fora que as possibilidades de decoração são milhares em uma festa ao ar livre, dá para viajar mesmo. Eu amo explorar os espaços, planejar uma integração entre árvores, flores e os objetos que servirão para compor o ambiente. Fica tudo mais alegre, mais descontraído e natural. E todos os temas do mundo combinam com a natureza, não há limites para a imaginação!

 

 

 

Em festas assim, dá para pensar em várias brincadeiras divertidas e diferentes. Como aquelas de antigamente, de quanto nós, pais, éramos as crianças da vez. Corrida do saco, pique-esconde, pique-bandeira, amarelinha, queimado... Nessas horas, criança fica sendo mesmo criança, o que é um excelente resgate, não é?

 

Claro que dá mais trabalho do que ir lá e simplesmente pagar um pacote em uma casa de festas. Mas, poxa, vale a pena, de vez em quando, sair da zona de conforto para proporcionar uma comemoração diferente.

 

Se a festa for em um jardim, dá para pensar em usar elementos naturais na decoração, fazendo uma bela integração entre o verde e os objetos que enfeitarão os ambientes. Pode ser o jardim de uma casa, de um clube ou até de um parque público. O ideal é que tenha áreas sombreadas, principalmente se o dia estar muito quente.  Nesses casos, a paleta de cores deve ser escolhida com cuidado, para que não se perca em meio ao verde de árvores e plantas.

 

Nas festas ao ar livre, a simplicidade é a melhor aliada. Uma mesa rústica pequena é o suficiente para se criar um ambiente charmoso para o bolo. Uma opção fofa, se o local for o jardim de uma casa, é usar objetos da própria família, como livros, malas antigas, jarras e caixas, poltronas e bancos. Fica charmoso, aconchegante e totalmente personalizado.

 

As mesas comunitárias são bem bacanas em festas assim. Além de lindas, promovem uma integração entre os convidados, mesmo entre os que não se conhecem. Mas se sua lista de convidados for muito extensa vale espalhar pelo local mesas menores, de até seis lugares.

 

E as comidinhas? Bom, elas podem seguir o esquema tradicional de festas indoor, mas também há a opção de tudo se transformar em um lindo piquenique! Basta espalhar toalhas pelo espaço, com almofadas coloridas; organizar um menu do tipo sanduichinhos, sucos, frutas e bolos caseiros e pronto!

 

Se a festa for no fim da tarde ou à noite, invista na iluminação. Ela faz toda a diferença! Podem ser spots, luminárias de pé, tochas, velas nas mesas e até mesmo garrafas iluminadas penduradas nas árvores. Não fica lindo?

 

O único porém de festas ao ar livre é a meteorologia. Ficamos à mercê dela, não tem jeito. Eu já passei um sufoco em um aniversário dos meus filhos: planejei mil coisas no jardim de casa. Choveu o dia todo e tive que passar a festa para dentro. Ficou com a maior cara de improviso, mas o que se há de fazer? Claro que podemos apelar para as velhas simpatias, como jogar sabão e ovo no telhado, mas...

 

Os mosquitos também podem estragar a comemoração, por isso é de bom tom oferecer repelente aos convidados. Para não ficar muito feio, dá até para personalizar as embalagens.

Please reload

Featured Posts

Ideias Etc - Férias, agenda lotada e ócio

December 19, 2018

1/5
Please reload

Recent Posts

October 4, 2017

September 19, 2016

June 10, 2016

Please reload

Archive